Ilustrar livros infantis…

São muitos os leitores que cobiçam as nossas publicações infantis. Nós temos dúvida se este apreço é devido à criatividade das histórias, ao brilho do nossos acabamentos ou pelas magnificas ilustrações que apresentamos em cada livro. Na dúvida decidimos explorar o que mais nos dá prazer dentro do género da infância: as ilustrações!

Entrevistámos a ilustradora Joana Pereira para compreender de forma mais aprofundado todo o processo de ilustração por detrás dos desenhos que muitas crianças fazem sorrir. Recorde-se que esta ilustradora assinou a ilustração de vários livros de sucesso como “Julieta a Borboleta de Jaqueta”; “Quando o Mundo Perdeu a Cor”, “Krismas a Aldeia de Natal” entre muitos outros.

Qual o primeiro passo para iniciar a ilustração de uma obra infantil após receber o original?

J.P: O primeiro passo do processo de ilustração de uma obra é a planificação da mesma, estipulando os excertos do texto que devem ser ilustrados e os momentos escolhidos para passar a mensagem pretendida aos leitores, oferendo-lhes uma experiência única ao longo da leitura do livro.

Consegue descrever todo o processo de ilustração?  

J.P: Após a planificação da obra sobre a qual falei ainda agora, inicia-se o processo criativo. É ai que as palavras se desenham em linhas e dão forma a cada personagem, a cada ambiente e a cada mensagem que o autor quer passar. Posteriormente, essas linhas ganham cor e consequentemente, vida. E é nesta fase que as ilustrações atingem o seu propósito: serem a ponte entre cada palavra e a imaginação de cada um. É um processo um tanto moroso e que exige alguma energia criativa, mas ver o resultado final é algo extremamente gratificante, não só pela sensação boa de poder ver o meu trabalho num livro, mas também por saber que dali pode sair o sorriso de alguém. Desenhar é a minha linguagem, é a minha forma de expressão, e se o meu trabalho fizer alguém sorrir, então já vale a pena

Joana Pereira

Na sua opinião o trabalho do ilustrador é tão importante como o trabalho do autor?

J.P: Essa é uma pergunta cuja resposta não me é fácil e acredito que não possa ser linear- há tanta emoção implicada! Num projecto onde o visual e o escrito se completam, para mim faz todo o sentido que as duas linguagens sejam igualmente importantes e, acima de tudo, comuniquem entre si. É através do diálogo entre as duas que se passa a mensagem pretendida. As palavras ganham uma maior dimensão com as ilustrações e vice versa. Ambas existem sozinhas, no entanto, é como complemento uma da outra que fazem sentido.

Quais foram os maiores desafios encontrados nas obras ilustradas ?

J.P: Cada obra apresenta os seus desafios e é engraçado porque cada desafio com que me deparo, é diferente do anterior. Estes desafios podem surgir logo numa fase inicial, onde se procura encontrar a linguagem certa para cada personagem e para a historia, ou então mais tarde, quando se aplica a cor e se criam as diferentes camadas de sensações que se querem transmitir. Mas, felizmente, têm sido todos superados com êxito, porque acabo a ilustração de cada obra com imensa satisfação e orgulho!

Uma das minhas primeiras influencias e das mais marcantes foi o Tim Burton. Foi desse imaginário que se começaram a desenvolver os meus cartoons e a minha identidade enquanto artista.

Joana Pereira
Ilustração de Joana Pereira – Obra Krismas

Quais as suas principais influências na mundo da ilustração?

J.P: São tantas! Eu procuro estar em constante aprendizagem, bebendo um pouco de cada artista que vou descobrindo. Eu tenho o privilegio de viver numa era digital, onde o trabalho e dedicação de outras pessoas estão ao alcance de um clique (e da vontade de aprender, claro! ). E nesse sentido fica bem mais fácil encontrar artistas que me inspiram e influenciam. E ao ser mais fácil encontrar inspiração extrínseca, fica mais fácil e torna-se mais gratificante encontrar a inspiração intrínseca. E é inegável- todas as ilustrações que tenho feito têm sido um contributo enorme para eu alcançar quem quero ser como artista e também como pessoa, são duas essências indissociáveis.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Entre na sua conta
Cordel d' Prata

Aceda aos seus dados, encomendas e wishlists ❤